Blog

Da leitura ao Gaming: novas formas de entretenimento que ganharam força na pandemia.

No comments

Sem dúvidas ir da leitura ao gaming é um assunto que faz todo sentido para o momento atual que o País está vivendo. Com a pandemia ocasionada pelo Covid-19 as pessoas em isolamento social procuram cada vez mais formas de entretenimento.

Afinal, o período de lazer que antes acontecia em cinemas, bares, restaurantes entre outros lugares, foi substituído pela necessidade de ficar em casa. E dessa maneira para que a situação não fique ainda mais complexa e difícil do que já é as pessoas tem procurado por métodos de ocupar o tempo e a mente.

Conheça agora quais foram as formas de entretenimento que ganharam força na pandemia, veja como elas vão da leitura ao Gaming com o mesmo objetivo. Sendo ele o de entreter e distrair um pouco durante essa nova realidade que todos estão enfrentando.

Entretenimento o que é?

Primeiramente antes de nos aprofundarmos sobre as formas de entretenimento é fundamental esclarecer um pouco sobre o conceito do tema. A saber define-se como entretenimento aquilo que tem a função de divertir. Como também distrair e criar a ação de entreter.

Sem dúvidas essa função fica muito forte e passa ter um significado ainda maior na vida das pessoas em decorrência da pandemia. Exigindo com que maneiras de encontrar essas formas de diversão fossem cada vez mais procuradas.

Novas formas de entretenimento que ganharam força na pandemia

Com a pandemia novas formas de entretenimento ganharam força, assim como algumas antigas foram reinventadas e tem feito bastante sucesso. A lista dessas atividades vai da leitura ao gaming. Confira agora:

1. Leitura:

Eventualmente com as pessoas ficando confinadas em casa, ler ganhou muita força nos últimos tempos. E além de livros convencionais, sites que disponibilizam leituras digitais estão cada vez mais no gosto da população. Como por exemplo é o caso do Kindle, uma plataforma virtual que fornece aos seus usuários a opção de ler ebooks.

2. Assistir Vídeos:

De fato, outra maneira de entretenimento que tem ganhado cada vez mais força é o de assistir vídeos online. Sem dúvidas as pessoas encontram nessa opção possibilidades de diversão, por isso plataformas como o Youtube tiveram a quantidade de acessos multiplicada na pandemia. Decerto, o tráfego na rede aumentou cerca de 9,1%, número alto e considerável, O entretenimento fornecido pelos vídeos atende vários gostos e preferências.

3. Ouvir Música:

Ouvir música sempre teve a função de acalmar e divertir, em tempos de quarentena isso aumentou ainda mais. Dessa forma os canais que fornecem música online tiveram grandes aumentos no número de acessos.

Como por exemplo o Spotify, App disponível para Android ou IOS que fornece aos usuários pacotes mensais com musicas ilimitadas para todos os gostos e gêneros. Outra opção para os amantes da música é o Deezer, aplicativo que conta com o mesmo estilo de atuação do Spotify.

Os acessos nessas plataformas já passaram da marca de 6 milhões de usuários, e desde o início da pandemia o aumento é de 8%, crescendo cada dia mais.

4. Assistir Filmes:

Já que a nova realidade impede a ida ao cinema, transformar a sala de estar e a TV em telinha tem se tornado uma atividade muito comum. Dessa forma os filmes tem sido utilizados com frequência para entreter.

E as plataformas como Netflix, Globo play, Telecine e Prime Vídeo, além de outras tem feito muito sucesso. As buscas por essas ferramentas que fornecem diversas opções de filmes e séries tem aumentado gradualmente desde que a pandemia começou.

E sem dúvidas os números de usuários tende a aumentar constantemente, ademais essas plataformas continuaram em evidência após esses tempos difíceis. Afinal a comodidade e custo benefício são suas características principais.

5. Gaming:

Que os jogos sejam eles de tabuleiro, mesa, ou até mesmo virtuais fazem a diversão não é segredo para ninguém. Contudo a utilização desses métodos como entretenimento cresceu de forma surpreendente. E até aqueles que antes não tinham muito interesse por jogos e games acabaram se rendendo.

Dessa forma aparelhos como Xbox, Play Station, jogos de tabuleiro e mesas como por exemplo ping pong tiveram seus índices de procura aumentados. Provando que a pandemia fortaleceu e muito essa forma de entretenimento.

6. Live:

As lives tem feito muito sucesso durante esse período de quarentena e isolamento social, artistas de todo mundo estão realizando a transmissão online. Com músicas, atividades de interação e entretenimento.

No Brasil cantores de diversos gêneros musicais tem ganhado destaque e investido em lives de alta qualidade.

Só para ilustrar Gusttavo Lima, Marilia Mendonça, Zé Neto e Cristiano, Isadora Pompe, Ludmilla e Anitta são alguns dos nomes que ganharam milhões de acessos simultâneos sem suas transmissões ao vivo.

Pandemia e Entretenimento

Eventualmente essas formas de entretenimento tem feito muito sucesso, além de divertirem bastante a população. O que sem dúvidas gera mais esperança e força para lidar com esse período difícil e que tem sido mais longo que o esperado.

Entreter é uma forma de cuidar da mente e das emoções, trazendo muitos benefícios para a saúde e qualidade de vida.

Fonte de pesquisa:

https://www.promobit.com.br/blog/kindle-o-que-e-e-como-funciona-649/

https://www.dicio.com.br/entretenimento/

file://O_legado_da_quarentena_para_o_consumo.pdf/btgpactual/decode

ORAEXDa leitura ao Gaming: novas formas de entretenimento que ganharam força na pandemia.
Read More

Estudo revela: Devops muda a carreira dos profissionais

No comments

Por que o DevOps muda a carreira dos profissionais? Pesquisas recentes feitas com mais de 3 700 profissionais de 21 países que atuam com o DevOps, compartilharam as suas vidas.

Segundo os resultados da pesquisa, o DevOps, além de otimizar o trabalho dos desenvolvedores de software, também está aumentando a interação, entre o desenvolvimento e a operação dos softwares.

Como resultado, a pesquisa pode mostrar como a carreira e a responsabilidade de quem atua no TI, está mudando, tanto dos desenvolvedores, como dos testadores, profissionais da segurança e os demais membros da equipe.

DevOps muda a carreira dos profissionais

 

O que é um DevOps? Dev + Ops não possui uma definição formada, até porque, cada profissional e empresa interpreta o DevOps de um jeito diferente.

Ou seja, o DevOps, não é só uma ferramenta, uma profissão ou um estilo de se trabalhar, ele é a grande junção de tudo com o foco único em otimizar o trabalho tanto da parte de desenvolvimento, como da operação.

Segundo dados da pesquisa, toda essa interação acelerou diretamente os projetos de desenvolvedores iniciantes, que com a utilização do CI, SCM, CD e dos testes automatizados, aceleraram todo o processo de desenvolvimento, algo que levava dias para acontecer.

Entretanto, mesmo que tudo esteja mais rápido, os profissionais de desenvolvimento de software tiveram suas carreiras alteradas. Em outras palavras, deixaram de ser apenas a pessoa que escreve as linhas de códigos e passaram a fazer parte integral de todo o projeto.

Com isso, profissionais da área de segurança, por exemplo, passaram a não ter mais conflitos com o pessoal do desenvolvimento, por exemplo. Até porque, colocar o desenvolvedor que busca velocidade de produção e segurança que busca estabilidade, conflitos sempre acontecem.

No entanto, na visão do DevOps, não existe mais segurança, desenvolvimento e operações, tudo está integrado no mesmo sistema e os profissionais estão tendo cada vez mais que se adaptar ficando responsáveis por mais de uma tarefa dentro do mesmo projeto.

DevOps e o Futuro

Ao se referir sobre “DevOps muda a carreira dos profissionais”, a palavra-chave é interação. Ou seja, os profissionais do TI, estão cada vez menos preocupados em seguir uma carreira pré-definida. Por quê? Segundo os estudos, entre uma imensa lista de áreas focadas no TI e na automação, o DevOps, ficou em primeiro lugar na prioridade dos profissionais.

Por fim, ao serem questionados sobre o futuro, 71% dos desenvolvedores entrevistados afirmaram com certeza que já estavam preparados para as futuras mudanças. Até porque, são mudanças que já estão acontecendo dia após dia na realidade das empresas.

Entretanto, 25% dos entrevistados, afirmaram que não estão muito preparados ou incertos do futuro. Como resultado da pesquisa, foi possível concluir que sim, o DevOps muda a carreira dos profissionais do desenvolvimento.

O que antes era apenas escrever linhas de códigos todos os dias, agora é o gerenciamento do projeto como um todo, fazendo parte de todas as etapas do projeto.

ORAEXEstudo revela: Devops muda a carreira dos profissionais
Read More

Empresas sofrem ataques de phishing: aumento impressiona.

No comments

A pandemia começou trazendo muitas mudanças e muitas dores de cabeça às pessoas. Como se não bastassem às questões relacionadas à saúde e à parte financeira, ainda tem os ataques cibernéticos. O aumento de empresas que têm sofrido com os ataques de phishing é assustador.

Afinal, grande parte das instituições adotaram o regime de home office. Essa foi a melhor solução encontrada para proteger a saúde dos trabalhadores em tempos de Covid-19. Porém, o trabalho remoto deixa a segurança online das empresas bem mais vulnerável.

Realmente, os números relacionados aos ataques de phishing são bem altos. Segundo estudos, muitas empresas tiveram problemas com ataques cibernéticos desde o início da pandemia. Principalmente, via e-mail. Entenda mais sobre como o trabalho remoto influencia nisso.

Qual é a relação entre o trabalho remoto e os ataques de phishing?

Infelizmente, a pandemia do Covid-19 chegou de surpresa para muitas pessoas. Quase ninguém imaginava que o impacto mundial seria tão grande. Por isso, muitas organizações passaram a sofrer com problemas relacionados ao trabalho remoto.

Afinal, grande parte das empresas não tinha planos de implementar o regime de home office. Pelo menos, pelos próximos anos. Porém, essa atitude precisou ser tomada em prol da saúde dos trabalhadores. Bem como dos seus familiares e da população de uma maneira geral.

Resumidamente, podemos dizer que, quanto menos pessoas circulando nas ruas, menos o vírus é disseminado. Assim, o trabalho remoto terminou sendo imposto a muitas empresas e trabalhadores, por um motivo de força maior.

Falta de preparo dos funcionários para lidar com os ataques de phishing

A mudança do ambiente de trabalho do escritório para o home office aconteceu de maneira muito repentina. Por isso, muitos funcionários não estavam preparados para ter que trabalhar em casa. Simultaneamente, as empresas se viram sem tempo hábil para prepará-los.

E isso gerou um maior risco à segurança cibernética. Principalmente, pelo fato de muitos funcionários estarem fazendo o uso de dispositivos pessoais para trabalhar.

Assim, lidam com os dados valiosos das companhias em dispositivos que podem não ser seguros. Ou ainda, compartilham esses dispositivos com outras pessoas dentro de casa, comprometendo a segurança.

E não para por aí. Muitos funcionários podem ter tido a oportunidade de levar dispositivos (como notebooks e monitores) da empresa para casa. Porém, ainda assim, a conexão da Internet pode apresentar suas vulnerabilidades.

Além disso, os funcionários podem estar mais vulneráveis. Enquanto isso, os hackers se aperfeiçoam cada vez mais nos seus golpes. Assim, são capazes de criar e-mails para ataques de phishing cada vez mais realistas e convincentes.

Uma estratégia que tem sido muito utilizada é se aproveitar das pessoas que buscam mais informações sobre a pandemia. Oferecendo essas informações para as pessoas baixarem, eles conseguem infectar os seus dispositivos com malware e outros tipos de vírus.

ataques de phishing

Conclusão

Como você pode perceber nesse texto, o home office e a pandemia estão servindo para que os hackers se aproveitem. Assim, conseguem realizar ataques cibernéticos às pessoas mais despreparadas, colocando em risco a segurança das empresas.

Sabendo disso, todo o cuidado contra os ataques de phishing é essencial. Vale ter bastante atenção aos e-mails que receber. Até mesmo aqueles que parecerem confiáveis podem ser perigosos.

ORAEXEmpresas sofrem ataques de phishing: aumento impressiona.
Read More

Trabalho a distância: veja as soluções de grandes líderes.

No comments

Principalmente depois do Covid-19 e da quarentena, grandes líderes tiveram que mudar a forma de liderar e reger a sua equipe. Atualmente, o Trabalho a distância é uma realidade e os líderes precisam se adaptar rapidamente.

Mas como é possível executar o Trabalho a distância da mesma forma que o presencial?  Se baseando em líderes de grandes empresas, existem 5 soluções práticas que podem ajudar toda a direção de uma empresa a se adaptar ao mercado atual.

5 Soluções dos Grandes Líderes para o Trabalho a Distância

Trabalho a distância

1. Confiança no Trabalho a distância

Conseguir a confiança de uma equipe não é fácil, principalmente no Trabalho a distância. Entretanto, para conseguir fazer isso com maestria, o Patrick Kinsella, Vice-Presidente Sênior de Engenharia Onepath tem uma dica.

A fim de criar confiança, todos os dias de manhã, é preciso fazer uma videochamada, tanto para alinhar o cronograma, como para criar conexão com toda a equipe remota.

2. Tecnologia, Segurança e Suporte

Em segundo lugar, quando se trata de Trabalho a distância, a segurança virtual é um risco, principalmente em grandes projetos.

Sendo assim, é papel do líder fornecer todo o suporte para a equipe remota e lembrá-los da segurança das informações e dos projetos. Para isso, Michael Coackey, CIO de White Plains, dá uma solução.

Ao decorrer do dia, em blocos determinados de tempo, é enviado uma mensagem para todos os colaboradores relembrando a importância da segurança em TI, principalmente em casa onde a presença de terceiros e a falta de foco é algo recorrente.

3. Cronogramas de Trabalho

Em terceiro lugar, durante o Trabalho a distância, é muito comum que ocorra a falta de foco e atrasos no trabalho. Porém, grande parte disso acontece pela falta de organização no cronograma dos funcionários.

Sendo assim, o líder tem a responsabilidade de passar e repassar exatamente o que é preciso ser feito. Além disso, também é necessário pedir relatórios aos funcionários sobre o trabalho.

4. Respeite o Tempo de Cada funcionário

Cobrança é algo comum no Trabalho a distância, porém, é preciso que seja feita com moderação.

Atualmente, com o Trabalho a distância se tornando algo tão recorrente, é um grande erro dos líderes a cobrança em excesso. Até porque, os líderes não conseguem ver se o funcionário está trabalhando, algo que já é possível no trabalho presencial.

Além disso, um bom líder precisa respeitar o horário do funcionário, assim como no trabalho presencial, existe uma carga horária diária. Portanto, é de suma importância que respeite e auxilie o funcionário a ter os seus horários para a vida profissional e pessoal, algo muito difícil de estabelecer no trabalho remoto.

5. Respeitar o Próprio Tempo

Por fim, o mesmo se aplica aos líderes, é preciso que todos da direção da empresa também separem o tempo para a vida pessoal.

Caso contrário, a mente fica perdida e com o tempo, problemas com estresse e ansiedade, se tornaram recorrentes.

ORAEXTrabalho a distância: veja as soluções de grandes líderes.
Read More

Pandemia e isolamento social promovem um aumento no uso da Internet no mundo.

No comments

A pandemia do Covid-19 trouxe a necessidade de mudanças na vida das pessoas. Entre essas mudanças, se encontra a necessidade de isolamento social, para evitar a disseminação do vírus. Como consequência, houve um aumento no uso da Internet no mundo.

Afinal, para que as pessoas possam se comunicar melhor, a Internet tem sido a maior aliada. Pois é momento de cada família (ou pessoa) se recolher no seu lar. Além disso, existe a necessidade das pessoas continuarem trabalhando e estudando online.

Ou seja, empresas de todo o mundo adotaram o trabalho remoto. Enquanto isso, as escolas tiveram que adotar o sistema de aprendizado online. Além disso, as pessoas querem continuar se vendo, mesmo que online. Tudo isso gerou um aumento no uso da Internet. Entenda melhor.

Por que aconteceu esse aumento no uso da Internet?

Os números com base nos Provedores de Serviços de Internet

Quando se trata de números, em uma proporção mundial, o aumento do uso da Internet aumentou em 10%. Por mais que esse pareça um número pequeno, ele é muito grande. E, por ser uma média mundial, os números variam de acordo com os países.

Por exemplo, no México, o aumento no uso da Internet foi de 73%. Enquanto isso, na Argentina, o aumento foi de 60%. E, nos Estados Unidos foi de 25%. Esses dados são baseados em Provedores de Serviços de Internet.

Os números do aumento do uso da Internet com base nos VPNs

VPNs são as tecnologias de rede virtual privada. Por isso, é através desses recursos que as empresas conseguem fornecer um acesso mais seguro dos funcionários em trabalho remoto. Bem como as escolas e instituições de ensino oferecem aos alunos.

Isso é notável porque o aumento do uso de VPNs aumenta muito nos dias úteis. Consequentemente, diminui aos fins de semana, quando as pessoas voltam a fazer uso da conexão comum à Internet. Apesar disso, são notados acessos aos VPNs também aos fins de semana.

O aumento do uso da Internet nos momentos de lazer

aumento no uso da Internet

Quando se trata dos momentos de lazer, a Internet passou a ser muito mais utilizada para isso também. Afinal, as pessoas estão com as suas opções bem limitadas por conta do isolamento social. E isso faz com que a Internet seja um dos principais refúgios para novas atividades.

Dados que comprovam isso são um aumento no uso de plataformas de streaming. Bem como o uso dos jogos online. As chamadas de vídeo também têm o seu lugar, tanto em videoconferências, quanto em aplicativos sociais, elas aumentaram bastante.

Conclusão

Como pudemos perceber nesse texto (e também refletido nas nossas experiências diárias), a Internet tem sido muito mais utilizada. A pandemia e o isolamento social causado por ela tiveram grande influência nisso.

Tanto quanto se trata de estudos e trabalho, quanto quando se trata do lazer. Por um lado, isso tem os seus efeitos positivos, que é a adaptação das pessoas à situação atual.

Por outro lado, o aumento do uso da Internet pode representar também as suas desvantagens e perigos. Um deles é a maior vulnerabilidade a ataques cibernéticos. Por isso, vale continuar fazendo o uso da Internet. Mas, sempre, de maneira consciente e cuidadosa.

ORAEXPandemia e isolamento social promovem um aumento no uso da Internet no mundo.
Read More

“O mundo vai mudar. Nós mudamos antes!”

1 comment

A ORAEX foi a pioneira na oferta de serviços de consultoria por demanda. 100% remotas.

Neste momento crítico que o mundo inteiro está vivendo, fomos forçados a mudar o nosso jeito de trabalhar. De maneira abrupta, sem avisos e sem planejamento.

Assim como os hospitais estão desesperados por ventiladores mecânicos, a população por máscaras e álcool em gel, no mundo corporativo existe uma correria desenfreada para que as empresas se adaptem ao modelo de home office, com a grande premissa de sobrevivência: Manterem as suas operações e produtividade para que não fechem as portas.

A grande questão que nos remete é: Por que ainda em 2020, no Brasil e em diversos lugares do globo, essa cultura de ter o funcionário in loco na empresa, persiste de maneira tão inflexível? Claro que existem exceções e a regra de trabalho presencial é aderente a maioria das profissões, mas temos N outras que já poderiam estar atuando de maneira continua há tempos. Advogados, arquitetos, designer, engenheiros, administrativo, profissionais de TI, contadores e tantos outros poderiam estar, mesmo que de maneira mista, ou seja, fazendo parte home office e parte onsite nas empresas, já teriam esse histórico e que ajudaria nesta transição durante a pandemia, menos dolorosa para muitas empresas.

Muitos dizem que o home office não é implementado por gestores não terem como controlar produção e horário de seus funcionários. Sobre essa afirmação, nós sabemos que existem diversas ferramentas que podem auxiliá-los, porém o fator determinante em nossa percepção é da confiança. As pessoas ainda precisam ver para crer, mesmo sabendo que os índices de produtividade daquele profissional sejam baixos, estando todos os dias presencialmente na empresa, gerando um custo de energia e água, espaço físico, horas de deslocamento e consumindo insumos descartáveis, gestores preferem tê-lo por perto para poder geri-lo melhor. Como se não fosse possível fazer isso de maneira remota.

Trazendo o tema para nossa realidade, a ORAEX adotou índices de produtividade e a confiança é 100% focada na entrega de nossos consultores, independentemente da quantidade de horas, o que conta é o serviço pronto dentro da qualidade que determinamos.

Diferente da maioria das consultorias, a ORAEX nasceu com a oferta de serviços 100% remota, com foco na qualidade da sua documentação, na transparência da prestação de serviço e na flexibilidade que os nossos clientes têm aquando da contratação. A ORAEX não faz bodyshop dos seus consultores, por entender que o nosso cliente não tem que perder seu tempo gerindo nossos recursos. Focamos na venda de serviço como serviço, seja ele na implementação de novos projetos ou na sustentação de ambientes de missão crítica.

Em tempos de pandemia, nossos clientes não tiveram a necessidade de transição para o mundo home office, por ter esse tipo de prestação de serviços já nos moldes remotos em que tudo se baseia na confiança mútua entre contratante e contratado, e na eficiência e qualidade dos serviços prestados.

Voltando a nossa reflexão, confiança e foco no delivery são as dicas que nós damos para gestores que têm o medo do distanciamento dos profissionais fisicamente das empresas que trabalham. Claro que inicialmente, a mescla das duas maneiras de trabalho, vai trazer o amadurecimento para essa mudança. Porém é um caminho sem volta. O mundo vai mudar. Nós mudamos antes.

ORAEX“O mundo vai mudar. Nós mudamos antes!”
Read More

Conheça mais sobre o Elasticsearch: Uma ferramenta poderosa.

No comments

A ORAEX Cloud Consulting como parceiro da Elastic, é responsável pela implementação, suporte, troubleshooting de problemas de performance e administração dessa poderosa ferramenta.

 

O que é o ElasticSearch?

O Elasticsearch é uma ferramenta open source para buscas desenvolvida em Java e também é uma solução NoSQL de armazenamento de dados que tem capacidade para tratar de grandes quantidades de dados em tempo real, sendo essa uma característica que traz mais vantagens sobre seus concorrentes. Apesar de ser open source, existem edições com novas features que são pagas através de subscrições, com planos aderentes ao seu tipo de uso.

O desenvolvimento do Elastic tem como base a biblioteca Lucene, que é um motor de buscas open source bem conhecido e usado até pela Wikipédia para buscas textuais.

Para fazer buscas e visualizar os logs que ficam armazenados no Elastic, é possível utilizar o Kibana, tendo a possibilidade de criar dashboards e métricas para consolidar os dados de diversas fontes diferentes armazenados no seu banco de dados.

Aplicabilidade do ElasticSearch?

Como podemos utilizar o ElasticSearch e qual aplicabilidade dessa poderosa ferramenta? Bem, hoje diversas empresas utilizam o ElasticSearch. Disponibilizamos uma lista de aplicações que atualmente faz uso do Elasticsearch:

  • Github – Usado para consultar 130 bilhões de linhas de códigos.
  • StackOverflow – Ele combina pesquisa de texto, geolocalização e usa more-like-this (mais como este) para encontrar perguntas e respostas relacionadas.
  • The Guardian – Registros de visitantes com dados de rede social. Para fornecer feedback em tempo real para seus editores sobre a resposta do público a novos artigos.
  • Wikipédia – Usado para prover busca de texto completo com trechos de pesquisa em destaque e sugestões de buscas.

Além dos citados acima, podemos indicar empresas como Uber, facebook, Soundcloud, Netflix, Globo.com e Mercado Livre que já fazem uso do Elasticsearch na stack de tecnologia de seus produtos e serviços.

O Elasticsearch ainda pode ser combinado com as ferramentas Logstash, Kibana e Codahale Metrics. Estes são alguns exemplos de ferramentas que podemos trabalhar em conjunto com Elasticsearch.

Por fim o Elasticsearch é uma ótima solução para centralização de informações que precisam ser consultadas em tempo real. Foi apresentado sobre um cenário de desenvolvimento, porém não fica restrito a isso, qualquer aplicação que precise ter uma base de dados centralizada ágil para realizar pesquisa.

Uso em NUVEM ou ON PREMISE?

O Elastic Stack, que engloba o conjunto de ferramentas da solução é uma plataforma aberta que possui uma versão free e outras edições com subscrições pagas, com novas features, que maximizam seu uso e dão versatilidade ao seu negócio. Possuem versões para uso em nuvem, funcionando na AWS (Amazon Web Services), na GCP (Google Cloud Plataform) e mais recentemente também no Microsoft Azure. Também possui versões para uso on-premise sendo compatível com vários sistemas operacionais. Dispõe ainda de API’s para a integração com qualquer tipo de dado ou informação.

O Elastic Stack é composto pelo Elasticsearch, Kibana, Beats e Logstash — melhora inúmeros casos de uso. Existem planos flexíveis para ajudá-lo a maximizar o uso dessas ferramentas de acordo com as necessidades do seu negócio. Entre em contato com a ORAEX através do nosso email [email protected] ou em nosso site www.oraex.com

ORAEXConheça mais sobre o Elasticsearch: Uma ferramenta poderosa.
Read More

“Data Privacy Day”, 28 de janeiro o dia Internacional da Privacidade de Dados

No comments

Em consequência dos frequentes ataques cibernéticos, o dia ganha uma importância cada vez maior.

O dia 28 de janeiro foi declarado o Dia Internacional da Privacidade de Dados. A comemoração não é recente, foi instituído no dia 26 de abril de 2006 pelo Comitê de Ministros do Conselho da Europa (CE).

O principal objetivo é que as pessoas se conscientizem sobre a privacidade e segurança da informação no universo digital. Em 2020, com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), o Brasil passou a ter uma legislação específica no que diz respeito à proteção de informações pessoais. A lei 13.709/18 entrará em vigor em agosto de 2020 e obrigará as empresas que trabalham com dados pessoais a adequar as exigências e serão fiscalizadas pela Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), um órgão vinculado à Presidência da República, que regulamentará a implementação desta lei.

A ORAEX já se encontra totalmente adequada à LGPD e realiza constantemente testes de vulnerabilidade em seus sistemas internos. Além disso, a ORAEX segue as premissas mais importantes de segurança, com criptografia, protocolos seguros e restrição de acesso humano a dados sensíveis, evitando assim o vazamento de informações críticas.

Conheça o Oraex CLoud Backup

Além disso, a ORAEX oferece o Cloud Backup, uma solução de backup em nuvem que armazena os seus dados na Azure (cloud da Microsoft), garantindo a continuidade do seu negócio e mantendo as suas informações longe de qualquer tipo de invasão. O ORAEX Cloud Backup (OCB) usa tecnologia de segurança de chave de 256-bit AES, extremamente segura e utilizado pelo Governo Federal Americano.

ORAEX“Data Privacy Day”, 28 de janeiro o dia Internacional da Privacidade de Dados
Read More

Oracle RDS na AWS – Casos de uso e vantagens

No comments

Case de Sucesso
Cliente ORAEX do Segmento Jurídico

        Cliente com atuação na área jurídica com limitações físicas para locar e manter um CPD completo, sendo obrigado a contratar outros serviços terceirizados no mercado. O serviço contratado se mostrava ineficaz tanto nas operações de manutenção dos equipamentos, como na administração dos mesmos. Demora elevada no atendimento das solicitações que não atendiam o nível de serviço contratado. 

Como foi o processo de migração

  • Inicialmente foi feito um levantamento da estrutura atual das necessidades da empresa para implementação dos projetos em execução e expectativa de novos projetos. Após definido as premissas e objetivos, foi levado em consideração quanto se poderia investir e o custo de manutenção após a implementação. Para tal, foi elaborada uma POC (Proof of Concept), sendo a fase inicial o teste de desempenho dos serviços no conceito de Cloud (AWS). Para os testes de banco de dados, foram criadas instâncias em regiões distintas, uma em São Paulo e outra na Virgínia. Durante o “stress test” em ambas as regiões foi verificado que para os sistemas corporativos, a região da Virgínia obteve um desempenho melhor por apresentar uma menor latência. Nos testes de performance se notou uma grande melhoria no desempenho em geral dos processos, além da facilidade de monitoria de performance do banco de dados através das próprias ferramentas da AWS.

  • Para o sistema ERP a região de São Paulo se mostrou mais eficaz devido a integração com outros sistemas “legado” da empresa.

  • As licenças adquiridas anteriormente do banco de dados Oracle foram migradas para a criação das instâncias AWS-RDS (BYOL), não havendo assim perda dos investimentos anteriores.

  •  Toda a migração do parque foi dividida em ondas de indisponibilidade, sem interrupção prolongada dos serviços, evitando prejudicar as tarefas da empresa e seus clientes, assim como projetos que estavam em andamento.

  • Após essa operação foram criados bancos de homologação, e novos bancos de desenvolvimento. Outros bancos de dados foram criados para atendimento de projetos específicos e de melhoria dos sistemas internos, que antes não eram possíveis devido a limitação de espaço físico no CPD da empresa e devido aos altos custos de locação de servidores.

  • Hoje a empresa opera com toda a sua estrutura em nuvem hospedada na AWS, sendo simples a criação de novos ambientes tanto de banco de dados quanto de servidores de aplicação, com operações de clonagem de servidores (snapshot) ou contratação de novos serviços na AWS.

  • Uma das maiores vantagens obtidas com essa mudança foi a possibilidade de expandir seu parque computacional e a capacidade de processamento. Este último, foi fator primordial para o crescimento da empresa. Em dois anos após a implementação do projeto o parque duplicou de tamanho. A base de dados que antes estava próxima aos 300Gb, hoje conta com mais de 5TB de storage utilizados. Novos projetos são executados com toda facilidade e a infraestrutura deixou de ser um limitador desta evolução. A comprovação de que todo o investimento nesta migração para nuvem foi um sucesso foram os diversos prêmios de reconhecimento recebidos.

O que é Amazon Relational Database Service (Amazon RDS)?

  • O Amazon Relational Database Service (Amazon RDS) é um web service que facilita a configuração, a operação e o dimensionamento de um banco de dados relacional na Nuvem AWS. Ele fornece capacidade econômica e redimensionável para um banco de dados relacional padrão do setor e gerencia tarefas comuns de administração de banco de dados.

Visão geral e vantagens do Amazon RDS

  • Quando você comprar um servidor, recebe CPU, memória, armazenamento e IOPS, todos no mesmo pacote. Com o Amazon RDS, estes elementos se separaram, para que você possa escalá-los independentemente. Se você precisar de mais CPU, menos IOPS ou mais capacidade de armazenamento, poderá alocá-los facilmente.

  • O Amazon RDS gerencia backups, patches de software, detecção automática de falhas e recuperação.

  • Para oferecer uma experiência de serviço gerenciada, o Amazon RDS não fornece acesso ao shell para as instâncias de banco de dados. Ele também restringe o acesso a determinados procedimentos e tabelas do sistema que exigem privilégios avançados.

  • Você pode ter backups automatizados realizados conforme necessário ou pode criar manualmente seu próprio snapshot de backup. Você pode usar esses backups para restaurar um banco de dados. O processo de restauração do Amazon RDS funciona de maneira confiável e eficiente.

  • Você pode obter alta disponibilidade com uma instância primária e uma instância secundária síncrona que pode ser usada para failover em caso de problemas.

  • Além da segurança no seu pacote de banco de dados, você pode ajudar a controlar quem pode acessar seus bancos de dados do RDS usando o AWS Identity and Access Management (IAM) para definir usuários e permissões. Você também pode ajudar a proteger seus bancos de dados colocando-os em uma nuvem privada virtual (VPC).

Regiões e zonas de disponibilidade da AWS

Os recursos de computação em nuvem da Amazon estão alojados em instalações de datacenter altamente disponíveis em diferentes áreas do mundo (por exemplo, América do Norte, Europa ou Ásia). Cada local de datacenter é chamado de uma região da AWS.

Cada região da AWS contém vários locais distintos chamados de Zonas de disponibilidade ou AZs. Cada zona de disponibilidade é projetada para ser isolada de falhas em outras zonas de disponibilidade. Cada uma é projetada para fornecer conectividade de rede de baixa latência e custo reduzido para outras zonas de disponibilidade na mesma região da AWS. Ao iniciar as instâncias em Zonas de disponibilidade separadas, você pode proteger seus aplicativos de falha de um único local.

Você pode executar sua instância de banco de dados em várias zonas de disponibilidade, uma opção chamada de implantação Multi-AZ. Quando você escolhe essa opção, a Amazon automaticamente provisiona e mantém uma instância de banco de dados secundária em espera em uma zona de disponibilidade diferente. A instância de banco de dados primária é sincronicamente replicada ao longo das zonas de disponibilidade para a instância secundária. Essa abordagem ajuda a fornecer redundância de dados e suporte a failover, eliminar congelamentos de E/S e minimizar picos de latência durante backups do sistema.

Desvantagens do uso do Oracle – AWS – RDS

Existem poucas desvantagens na utilização de uma instância RDS em comparação com uma instancia EC2, se sua aplicação escreve arquivos que são compartilhados por outros servidores, não se tem acesso direto as pastas de diretório, não se tem acesso ao “shell” da máquina, então essas operações devem ser um pouco repensadas, existem algumas alternativas, porém geram um pouco mais trabalho que um servidor que se tem acesso direto aos “file systems”. Outro ponto é em relação ao export/import, nas instancias RDS toda área de disco é compartilhada com o Banco de Dados, ou seja tudo que se gera de arquivos consome o mesmo espaço do banco, se for gerar por exemplo um export completo do banco de dados deverá observar que o espaço ocupado do arquivo entrará na sua cota de “storage” contratado para a instancia RDS. A transferência desses arquivos só é feita de banco para banco através de dblink usando packages internas, não usamos o binário do exp/expdp ou imp/impdp. Na administração existe uma peculiaridade, não temos mais acesso ao user “sys” existe um usuário equivalente que é o “admin”, porém comandos de grant para objetos do “sys” são atribuídos de forma diferente.

 

Autor: Marcelo Ribeiro

ORAEXOracle RDS na AWS – Casos de uso e vantagens
Read More

Já imaginou perder todos os dados da sua empresa de um dia para o outro?

No comments

Com toda certeza uma das maiores vantagens do backup em nuvem é a segurança. Nesse tipo de serviço você não precisa se preocupar com incêndio, chuva, enchente ou roubo – coisas que qualquer ambiente físico sempre deve temer e que podem comprometer o armazenamento de dados importantes da sua empresa.

Se a sua empresa utiliza uma estrutura de backup em nuvem, os dados são armazenados com mais segurança. Isso porque as informações são criptografadas, o que dificulta o acesso de usuários mal intencionados.

Mas e é seguro? Ficou meio complicado de entender? Quer saber mais detalhes? Separa um minuto e meio do seu dia e confere esse vídeo aqui:

Isso deve ser caro demais, né? Então vamos falar de preço:

Você pode ter toda essa segurança dos seus dados investindo menos de R$ 5,00 por dia.

Fale conosco, nós podemos ajudar! Olhamos pra frente e queremos te enxergar lá: [email protected]

ORAEXJá imaginou perder todos os dados da sua empresa de um dia para o outro?
Read More